Archive for dezembro, 2010


REFLEXÕES DO EXÍLIO (III) – EDMUNDO CARÔSO

posted by Jary Cardoso @ 8:49 PM
15 de dezembro de 2010

.

AÍ TEM!

.

Não acredito na existência do Diabo. Aqui em casa ele já acorda desmoralizado, o que lhe acomete de uma depressão tão trágica que nem ao menos se dispõe a escovar os dentes. Precisa que eu fique lhe pedindo: ô, Seu Diabo, olha o bafo de tigre! No início até que eu sentia medo dele, mas a partir do momento em que o tinhoso passou a assear a boca, o meu respeito pelo dito se esvaiu e hoje é mais fácil eu correr de uma preá de ceroulas do que temer tal patético. Tinha graça continuar respeitando aquele que passa a me respeitar! Outra coisa que me incomoda em Lúcifer é essa mania que ele tem de não usar sapatos. Eu, hein! Aquele bucho deve andar cheio de lombrigas, por isso que empesteia tudo de enxofre e ainda nega que foi ele. Um cara de pau. Pra completar é portador de chifres. E mesmo que ninguém ande falando de Dona Diaba por aí; que aí tem, aí tem!


REFLEXÕES DO EXÍLIO (II) – Edmundo Carôso

posted by Jary Cardoso @ 2:13 PM
4 de dezembro de 2010

.

NÃO SE MORRE MAIS COMO OUTRORA

.

texto de EDMUNDO CARÔSO

.

Antigamente (na Bahia, e creio que em outros lugares também) o defunto era uma instituição, tinha a sua despedida celebrada com choros e rapapés. Nos enterros dos mais bem aquinhoados até refrescos e salgadinhos havia – servidos na bandeja por uma mocinha de avental imaculado, com cara de tristeza alugada especialmente para aquela ocasião. E os mausoléus? Ah, os mausoléus! Conheço muita gente que trocaria os cubículos dos condomínios verticais em que hoje vive por um daqueles túmulos cheios de mármores e estátuas de bumbuns barrocos. Aquilo dava status e respeito ao morrente, fazia jus às virtudes até dos mais cítricos canalhas. Saudoso tempo. Respeitavam o morto até depois de morto – prática que foi se degenerando com o passar dos anos. Hoje qualquer defunto é um indigente que engavetam numa parede, com um bocado de flores cheirando a cocô de cabra.



Grupo A TARDE

empresas do grupo

jornal a tarde | a tarde online | a tarde fm | agência a tarde | serviços gráficos | mobi a tarde | avance telecom | massa!

iniciativas do grupo a tarde educação | a tarde social


Rua Prof. Milton Cayres de Brito n° 204 - Caminho das Árvores - Salvador/BA, CEP-41820570. Tel.: 71 3340-8500 - Redação: 71 3340-8800


Copyright © 1997 - 2010 Grupo A TARDE Todos os direitos reservados.